Nerdices
Descrição de chapéu Facebook instagram

Instagram testa deixar usuários escolherem se querem ou não ver curtidas

Experimento envolve uma pequena porcentagem de usuários globais

Silhuetas de usuários de smartphones são vistas com projeção do logotipo do Instagram ao fundo
Silhuetas de usuários de smartphones são vistas com projeção do logotipo do Instagram ao fundo - Dado Ruvic-28.mar.2018/Reuters
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Elizabeth Culliford
Reuters

O Instagram está lançando um pequeno teste global nesta quarta-feira (14), em que os usuários podem escolher se querem esconder o número de curtidas de suas postagens ou de outras pessoas. A informação foi divulgada por uma porta-voz do Facebook.

O site de compartilhamento de fotos, que pertence ao Facebook, afirma que esse último teste surgiu após ver respostas mistas aos experimentos em que removeu likes, comumente usadas como uma medida de popularidade.

"Em 2019, começamos a esconder o número de curtidas em um pequeno grupo de pessoas para entender se isso diminui a pressão ao postar no Instagram", diz a porta-voz. "Algumas pessoas acharam isso benéfico, mas algumas ainda queriam ver os likes para que pudessem medir o que é popular."

O Facebook também analisa um experimento semelhante que será lançado nas próximas semanas, diz a porta-voz, em resposta aos usuários que pedem mais controles sobre como eles interagem com o conteúdo na plataforma.

No mês passado, o Instagram escondeu acidentalmente curtidas de um grande número de usuários no que deveria ser apenas um pequeno teste, obtendo diversas opiniões. Alguns internautas viram a atitude como um passo importante para a saúde mental dos usuários, enquanto outros consideraram catastrófico para criadores de conteúdo em parcerias com marcas.

Os participantes do novo teste ainda poderão ver suas curtidas em particular. O teste envolve uma pequena porcentagem de usuários globais, mas a empresa não quis dizer quantos.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem