Música

'Sou fruto da televisão', diz Lulu Santos sobre sua trajetória musical

Em entrevista a Pedro Bial, o cantor contou que ver gravação de Roberto Carlos mudou a sua vida

São Paulo
Lulu Santos falou no Conversa com Bial sobre a sua carreira e o papel como técnico do The Voice Brasil - Globo

Lulu Santos, 67, contou durante participação no programa Conversa com Bial (Globo), na madrugada desta quinta-feira (15), que a televisão foi fundamental para a sua história na música.

"Sou fruto da televisão. Minha educação musical começou nos festivais dos anos 60", disse. "Música para mim sempre foi na televisão".

A primeira vez de Lulu em um estúdio de televisão foi no programa Jovem Guarda, apresentado por Roberto Carlos, Erasmo Carlos e Wanderléa. Ele foi levado por um tio publicitário e assistiu a uma gravação de Roberto.

"Aquilo mudou a minha vida", contou ao jornalista Pedro Bial.

O Conversa com Bial apresentou uma linha do tempo das participações de Lulu em programas de televisão, como o Globo de Ouro, Cassino do Chacrinha, Domingão do Faustão e Xuxa.

Antes do sucesso na carreira artística, o cantor trabalhou na Som Livre e participou da seleção de músicas para trilhas sonoras de novelas, com direito ao nome nos créditos. Foi dele, por exemplo, a ideia de usar "Menino do Rio", na gravação de Baby do Brasil, na abertura de "Água Viva".

Lulu é jurado pela nona vez do programa The Voice Brasil, que estreia nesta quinta, e diz estar surpreso com a qualidade das apresentações. "Os candidatos já vêm formados pelo programa", disse.

Para a nova leva de episódios, a Globo afirma que tem feito tudo com segurança e utilizado todos os protocolos para que não haja risco à saúde dos competidores.

A participação ao logo das edições do The Voice fez Lulu cuidar mais da própria voz e também estar aberto à pluralidade musical. Ele contou que expandiu o entendimento sobre o que é a música popular.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem