Música

Réveillon de Salvador traz novos nomes, mas Ivete e Daniela Mercury ainda comandam festa

Festa deve durar cinco dias, reunindo mais de 300 atrações

Réveillon em Salvador
Réveillon em Salvador - Divulgação/Secom BA
Sidney Gonçalves do Carmo
São Paulo

Ritmos de estilos musicais variados, muita cor, diversidade, gastronomia e cultura baiana em evidências são as marcas que o prefeito ACM Neto (DEM) quer firmar como o diferencial do Réveillon de Salvador, que contará com uma maratona de cinco dias de shows, com mais de 300 artistas. 

As principais atrações serão Ivete Sangalo, que fará a contagem regressiva para 2020 na orla da Boca do Rio, e Daniela Mercury, que fará show no primeiro dia do ano, como aconteceu tradicionalmente nos últimos anos. 

A festa também marca o retorno dos sertanejos Simone e Simaria e Gusttavo Lima, que não participaram da última edição. Entre as novidades estão a presença, pela primeira vez, de Vintage Culture, Saia Rodada e Dennis DJ. 

ACM Neto afirma que a ideia da festa de Réveillon é atrair todos os tipos de público, do mais jovem ao mais velho, do público que gosta de eletrônico ao funk, passando pelo axé, forró e sertanejo. 

“Salvador tem a maior virada de ano do país, não há outra cidade no país que faça uma festa como Salvador. Talvez apenas a virada em Copacabana”, disse o prefeito durante lançamento do Réveillon na noite desta quarta-feira (6) em São Paulo. 

A lista de atrações ainda inclui Bell Marques, Claudia Leitte, Vintage Culture, Durval Lélis, Iza, Matheus e Kauan, Anitta, Luan Santana, Igor Kannario, Harmonia, Alok, Lá Fúria, Wesley Safadão, Leo Santana, Lincoln e Duas Medidas, Psirico, Xand Avião, Saulo, Jorge e Mateus, entre outros.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem