Aviso
Este conteúdo é para maiores de 18 anos. Se tem menos de 18 anos, é inapropriado para você. Clique aqui.

Celebridades

Sarah Poncio diz que foi convidada para concorrer a deputada

Influencer diz que ama debater sobre política: 'Me sinto muito pronta'

Sarah Poncio
Sarah Poncio - Instagram/sarah
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

A influenciadora digital Sarah Poncio, 24, usou os stories de seu Instagram para divulgar que foi convidada para concorrer ao cargo de deputada estadual. A influenciadora disse que está muito feliz e gostaria de saber a opinião dos seguidores.

"Quando eu recebi o convite, eu fiquei muito assustada e feliz ao mesmo tempo, mas eu quis vir aqui antes saber a opinião de vocês, sobre o que vocês acham", disse no vídeo.

"Eu tenho várias motivações para realmente aceitar", continuou Sarah.

"Vocês que me acompanham sabem que eu não preciso, que eu jamais entraria com alguma intenção ruim. Vocês sabem que eu sempre fui muito transparente aqui pra vocês, sempre mostrei muito aqui a minha vida, e, se eu realmente aceitar, e realmente entrar, isso não vai mudar ".

Sarah não deu muitas informações sobre o partido e qual estado deve concorrer. A influenciadora mora no Rio de Janeiro.

ADOÇÃO

Em sua fala, a influenciadora ainda lembrou sobre o que passou recentemente ao tentar adotar uma criança e a posterior perda da guarda em 2021. Josué Márcio, à época com dois anos, teve a guarda requisitada pela mãe biológica.

Segundo a família Poncio, a decisão de adotar Josué foi baseada na esperança de resgatar uma criança em situação de vulnerabilidade social, oferecendo um lar adequado, repleto de amor e carinho.

"Todo o processo correu com o respaldo da lei, além de aprovação e bem entendimento de ambas as partes. Dito isso, Josué se tornou uma parte essencial da realidade de Sarah, ele se tornou, de fato, um filho", diz o comunicado.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem