Aviso
Este conteúdo é para maiores de 18 anos. Se tem menos de 18 anos, é inapropriado para você. Clique aqui.

Celebridades

Viúvo de Paulo Gustavo agradece carinho e diz que vai se ausentar das redes

Ele falou que vai se desligar um pouco da internet para ficar com a família

Ator Paulo Gustavo
Ator Paulo Gustavo - João Miguel Júnior / Globo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

O médico Thales Bretas , viúvo do ator Paulo Gustavo, morto em maio por complicações da Covid-19, usou o stories do Instagram, na tarde neste sábado (30), para agradecer ao carinho e o suporte que tem recebido dos amigos dos fãs no dia do aniversário do marido, que completaria 43 anos.

Usando uma camiseta com a frase do ator "sorrir é um ato de resistência", ele falou e que ficará ausente das redes sociais neste sábado. "Não vou conseguir acompanhar tudo aqui na internet! Vou me desligar um pouco para processar tudo na vida real com a minha família! Se não responder, sabia que recebi seu carinho", escreveu Bretas.

No vídeo compartilhado no stories do Instagram, ele destacou foi instituído 30 de outubro como o Dia do Humor, no Rio de Janeiro e que está muito feliz com essa homenagem. Bretas lembrou a todos que neste sábado o canal Multishow está com uma programação especial em homenagem a Paulo Gustavo.

Às 21h30, vai ao ar episódio especial da nova temporada do "Vai Que Cola" especialmente dedicado a ele. O programa também será exibido pelo canal de Humor do Multishow no YouTube, acessível para não assinantes. O canal fará ainda uma projeção mapeada que vai iluminar a fachada do Museu de Arte Contemporânea, em Niterói, cidade onde o artista nasceu.

"Quero dizer que esse amor com certeza que a gente está emanando está chegando a ele [Paulo Gustavo} onde quer que esteja. É preciso continuar sorrindo mesmo quando tudo parece muito difícil, porque rir é um ato de amor, de resistência e faz a vida ficar melhor", afirmou Thales.

Mais cedo, a irmão do artista, Juliana Amaral, agradeceu o carinho dos fãs e afirmou que não deixará que a obra do irmão se encerre. "Podem aguardar, pois haverá sim projetos envolvendo o nome de Paulo Gustavo", antecipou.

Ela também destacou que o dia 30 de outubro passou a ser celebrada como o Dia do Humor no estado do Rio, por meio de lei aprovada na Assembleia Legislativa. "Você era amor e humor, e sempre nos lembraremos que o humor salva, o humor cura, e que ele é amor", escreveu.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem