Celebridades
Descrição de chapéu instagram

Gabby Petito: Corpo achado nos EUA pode ser da influenciadora desaparecida

Jovem de 22 anos está desaparecida desde 11 de setembro

Influenciadora Gabby Petito está desaparecida desde 11 de setembro nos EUA
Influenciadora Gabby Petito está desaparecida desde 11 de setembro nos EUA - Instagram/ gabspetito
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Washington
AFP

Um corpo, que corresponde à descrição da viajante Gabrielle Petito, 22, foi encontrado em um parque nacional do Wyoming, nos Estados Unidos, onde estava sendo procurada a influenciadora digital. O anúncio foi feito pelo FBI neste domingo (19), após o sumiço da jovem comover o país.

"O departamento forense do condado de Teton foi enviado para resgatar um corpo no parque nacional do condado", informou à AFP o legista local Brent Blue.

"Hoje bem cedo foram encontrados restos humanos que coincidem com a descrição de Gabrielle 'Gabby' Petito", relatou o agente do FBI Charles Jones em entrevista coletiva. "Gostaria de expressar minhas mais sinceras e profundas condolências à família de Gabby", acrescentou.

Autoridades dos EUA haviam iniciado uma ampla operação de busca para achar Petito, desaparecida em 11 de setembro, durante uma viagem com seu companheiro. O último contato que seus pais tiveram com ela foi quando o casal estava na área do Parque Nacional Grand Teton, em Wyoming.

Gabby Petito deixou, em julho, o emprego para viajar pelos Estados Unidos em uma van com o namorado, Brian Laundrie, 23, documentando tudo em sua página no Instagram, onde Petito tem atualmente em torno de 800 mil seguidores.

Há mais de duas semanas, Laundrie voltou sozinho para casa, em North Port, Flórida, com a van da companheira. Ele foi declarado suspeito pelos investigadores, mas depois desapareceu. Os pais de Laundrie dizem não vê-lo desde terça-feira (14), segundo a polícia de North Port, que trabalha agora em um caso de "desaparecimento múltiplo".

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem