Celebridades

Kanye West está incomodado por acharem que Kim Kardashian foi quem quis separação

Rapper diz que já vinha tentando se divorciar há anos da socialite, segundo site

Rapper norte-americano durante evento no MoMA, em Nova York
Rapper norte-americano durante evento no MoMA, em Nova York - Angela Weiss/6.nov.2019/AFP
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

O rapper norte-americano Kanye West, 43, estaria chateado com o seu divórcio com a socialite Kim Kardashian, 40. O motivo, porém, não seria a divisão de bens, a guarda dos filhos ou o divórcio em si.

Segundo o site da coluna Page Six, o que estaria incomodando o artista é que a maior parte das pessoas acha que foi Kim Kardashian que quis se separar dele. O cantor sustenta que, na verdade, teria sido ele quem quis acabar com tudo.

De acordo uma fonte ouvida pelo site, West falava há um bom tempo que o casal não tinha nada em comum, exceto os filhos, e que queria terminar. Além disso, Kardashian teria feito de tudo para salvar o casamento.

O motivo de a socialite ter dado início ao processo de separação em fevereiro, e não o rapper, seria apenas um ato de bondade do astro, para dar “dignidade a ela”, relata a publicação. Em julho de 2020, ele relatou que já tentava se divorciar da socialite havia pelo menos dois anos.

À época, West também já demonstrara publicamente a relação conturbada com a família Kardashian. O cantor usou sua conta no Twitter para pedir ajudar dizendo que a sua então esposa, Kim, e a sogra, Kris Jenner, queriam interná-lo contra sua vontade em uma clínica psiquiátrica.

Após algumas horas, o artista apagou os tuítes. Na sequência, ele anunciou que iria lançar um novo álbum nos dias seguintes à publicação. O casal anunciou o namoro em 2012 e, desde então, tiveram quatro filhos: North, Saint, Chicago e Psalm.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem