Celebridades

Casamento de Eduardo Bolsonaro terá cadela como dama de honra e pastor de ex reality show

Por questões de segurança, convidados precisam apresentar RG para entrar na festa

Eduardo Bolsonaro e Heloísa Wolf em ensaio pré-casamento na praia da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro
Eduardo Bolsonaro e Heloísa Wolf em ensaio pré-casamento na praia da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro - DNFotos/Reprodução Instagram

Lucas Rezende
São Paulo

Ao pôr do sol deste sábado (25), uma vira-lata chamada Beretta seguirá para um altar montado numa casa de festas em Santa Teresa, no Rio de Janeiro, ao lado de Laura, filha caçula do presidente Jair Bolsonaro.

A cena é parte do cortejo da cerimônia de casamento do deputado fede ral Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) com a psicóloga Heloísa Wolf. A cadela criada pelo casal fará parte de uma procissão que inclui o próprio presidente -que vai entrar ao lado da mãe da noiva,- e de irmãos do filho “03”.

Cinco meses separam a festa do dia em que Bolsonaro se ajoelhou diante de 600 pessoas em plena Cúpula Conservadora das Américas, em Foz do Iguaçu, no Paraná, para pedir Heloísa em casamento. Tudo ao vivo. A primeira festa do clã Bolsonaro pós faixa presidencial será para 150 convidados, e uma casa de festas com vista para o Pão de Açúcar e o Corcovado.

 

Para passar da porta -que, seguindo o movimento das redes sociais, deve contar com protestos de militantes de esquerda– só com documento de identidade. “Por medidas de segurança”, justifica o cerimonial.

No altar, o pastor Pedro Luís Barreto Litwinczuk, da Igreja Batista do Rio. Ele foi participante do reality show No Limite, que teve sua última exibição na TV Globo em 2009, e conquistou fiéis sobretudo da Barra da Tijuca, na zona oeste, onde morava Jair Bolsonaro, com um estilo mais despojado e jovial do que seus pares pregadores. O próprio se define como o que faz um "culto de estilo contemporâneo". 

A noiva escolheu oito madrinhas, incluindo a sogra Michelle Bolsonaro. À cerimonialista carioca Márcia Santiago, Heloísa pediu uma decoração com tons pastéis e hortênsias, sua flor predileta, símbolo de devoção, coragem e dignidade. De acordo com Santiago, que confirmou as informações à Folha, ainda haverá DJ’s convidados que vão tocar “um repertório bem eclético”.

Heloísa Wolf passou os últimos meses vivendo o típico sonho de noiva: foi ao salão colocar apliques no cabelo, posou para um ensaio fotográfico com Eduardo Bolsonaro na praia da Barra, se dedicou a sessão de bronzeamento artificial e optou por fazer um tratamento capilar a base de algas para hidratar os cabelos.

Para o vestido, foi ao ateliê de Marie Lafayette em Botafogo. É o mesmo local que já vestiu celebridades como Bruna Marquezine, Emanuelle Araújo e Nathalia Dill. O noivo, no entanto, segue a agenda parlamentar, defendendo, nas últimas horas, a reforma da Previdência: “Qualquer outro candidato eleito em 2018 não teria capacidade ou coragem de fazer igual proposta a esta da nova Previdência”, chegou a dizer, enquanto ainda não veste o terno azul claro com colete cinza.

Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem