Publicidade
  • Aline
    • Aline
    • eliminado
  • Anamara
    • Anamara
    • eliminado
  • André
    • André
    • eliminado
  • Andressa
    • Andressa
    • eliminado
  • Aslan
    • Aslan
    • eliminado
  • Dhomini
    • Dhomini
    • eliminado
  • Eliéser
    • Eliéser
    • eliminado
  • Fani
    • Fani
    • eliminado
  • Fernanda
    • Fernanda
    • participante
  • Ivan
    • Ivan
    • eliminado
  • Kamilla
    • Kamilla
    • eliminado
  • Marcello
    • Marcello
    • eliminado
  • Marien
    • Marien
    • eliminado
  • Nasser
    • Nasser
    • eliminado
  • Natália
    • Natália
    • eliminado
  • Yuri
    • Yuri
    • eliminado

Integrantes do Femen invadem shopping onde está a casa de vidro do "BBB13"

08/01/2013 - 21h42

Publicidade

ANAHI MARTINHO
COLABORAÇÃO PARA A FOLHA

Atualizado em 09/01/2013 às 09h00.

Três integrantes do grupo Femen invadiram nesta terça-feira o Santana Parque Shopping, que abriga a casa de vidro do "Big Brother Brasil 13". O programa estreia nesta terça-feira (8).

Siga ao vivo a primeira prova de resistência do programa
Conheça os participantes do "Big Brother Brasil" deste ano
Acompanhe as notícias do "BBB13" pelo Facebook

Elas chegaram a tirar a blusa, mas foram contidas em poucos segundos. A administração do shopping, na zona norte de São Paulo, estava avisada da ação.

Houve tumulto no momento da invasão e elas foram retiradas com violência do local, pela saída de emergência.

Mulheres de peito: reveja os protestos do grupo Femen pelo mundo

Mais de nove homens à paisana, que fingiam participar da torcida, agarraram as manifestantes. Eles seriam contratados da Globo.

As três moças se aproximaram da torcida, com a intenção de aparecer em um dos links ao vivo do programa.

A assessoria do shopping nega que a equipe estivesse orientada a agir com violência. Segundo os representantes, a ordem era cobrir as moças com paletós, deixá-las fazerem o protesto com os cartazes e retirá-las pacificamente.

Mais cedo, Sara Winter, a líder do grupo feminista no Brasil, anunciou por comunicado à imprensa que ela e mais duas moças pretendiam invadir o local. O objetivo do grupo era protestar contra a "alienação social causada pelo programa".

Por volta das 22h15, quatro carros da Polícia Militar entraram no shopping e estacionaram próximo à saída de emergência por onde as moças foram retiradas. Um policial falou por telefone ao "F5" que as três moças seriam escoltadas até em casa após o fechamento do shopping.

Globo se pronuncia

A Central Globo de Comunicação disse em comunicado oficial que as medidas foram tomadas para "proteger os frequentadores, os participantes do programa e os próprios manifestantes, que poderiam ser hostilizados pelo público".

A empresa disse ainda que a manifestação pretendia perturbar o funcionamento do shopping e que o protesto do grupo Femen é "curioso" e contraditório.

*

Leia abaixo a íntegra do comunicado:

"Respeitando a liberdade de expressão e direito de escolha do espectador, como foi anunciado que haveria uma manifestação para perturbar o funcionamento do shopping, junto à administração, tomamos as medidas necessárias para proteger os frequentadores, os participantes do programa e os próprios manifestantes, que poderiam ser hostilizados pelo público. Vale registrar que é curioso que alguém reaja contra uma suposta exposição, se despindo em público."

  • Últimas notícias 
  •  

Publicidade

Publicidade

[an error occurred while processing this directive]

gostou? leia também

  •  

Publicidade

Siga agora o F5 no Twitter

Livraria da Folha