Celebridades

'Tenho certeza que me mexo mais que muita gente', diz Laís Souza 

Apesar da tetraplegia, Laís Souza, 28, mantém seu corpo sempre em movimento com a ajuda de fisioterapia e técnicas como a eletroestimulação, que simula a contração real do músculo. "Tenho certeza que me mexo mais que muita gente", diz a ex-ginasta. 

Laís falou à apresentadora e cantora Karol Conka, que comanda o "Superbonita", do GNT —a entrevista ainda não tem data definida para ir ao ar.  

"Do meu jeitinho, eu tento ir lutando. A mudança radical de ser atleta para ser cadeirante foi de 100%, e eu continuo me adaptando. É um novo formato de vida, outra forma de ver as coisas", diz. 

Em janeiro de 2014, sofreu um acidente que a deixou tetraplégica. Ela treinava em Salt Lake City, nos Estados Unidos, para os Jogos Olímpicos de Inverno, quando lesionou a coluna.

Neste ano, a ex-atleta, que se trata no Brasil, começou a fazer faculdade psicologia, além de dar palestras motivacionais. 

EM PÉ PELA PRIMEIRA VEZ 

No começo do ano, com ajuda de um estabilizador e durante uma sessão de fisioterapia, Laís ficou em pé pela primeira vez. O tratamento foi postado por ela em sua conta no Instagram.

Nos Jogos Olímpicos do Rio, em 2016, Laís conseguiu façanha parecida. No evento esportivo, ela contou com uma cadeira de rodas especial para ficar ereta e conduzir a tocha olímpica. 

Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem