Televisão
Descrição de chapéu BBC News Brasil

Coronavírus: Novela britânica contrata cônjuges de artistas como dublês para cenas íntimas

Atores mantêm distanciamento social durante filmagem de cena de novela britânica
Atores mantêm distanciamento social durante filmagem de cena de novela britânica - BBC Brasil

Os cônjuges da vida real de alguns atores da novela britânica "EastEnders" foram convocados como dublês para cenas íntimas quando as gravações recomeçarem, por causa da pandemia da Covid-19. Eles vão atuar em "momentos cruciais quando dois personagens se beijam".

O objetivo é permitir que essas cenas sejam filmadas de acordo com as diretrizes do governo sobre procedimentos durante a pandemia. Segundo a BBC, que produz e transmite o folhetim, a mudança foi apenas uma das várias medidas que estão sendo tomadas para manter o elenco e a equipe segura.

As gravações dos novos episódios serão retomadas no dia 7 de setembro, após uma pausa de três meses. O hiato foi necessário quando o confinamento provocado pela pandemia interrompeu a produção. Desde então, episódios antigos do folhetim, que está no ar há 35 anos, vêm sendo re-exibidos.

As filmagens foram retomadas no final de junho e o produtor-executivo do programa, Jon Sen, disse que a equipe de produção tinha que filmar cenas íntimas "com cuidado". As famílias dos artistas não serão usadas apenas como substitutas no quarto, acrescentou Sen.

"Tivemos a ideia de (usar) artistas coadjuvantes que dividem o mesmo teto para refletir o mundo exterior... ou um marido e mulher que andariam pela Bridge Street e, claro, podem ficar mais próximos do que os dois metros", acrescentou o produtor-executivo.

Para seguir as diretrizes de distanciamento social em ambientes internos, como o pub Queen Victoria, os produtores tiveram que pensar em alternativas.

'FAMÍLIAS'

Placas de acrílico —invisíveis quando filmadas— estão sendo colocadas entre os atores; e montagens geradas por computador também estão sendo usadas. Essas telas permitem aos produtores "aproximar muito as pessoas e isso é muito bom porque dá uma intimidade à atuação que não seria possível de outra forma", disse Sen.

Outras medidas incluíram a criação de sinalizações nos estúdios e checagem de temperatura do elenco e da equipe nos bastidores.

As mesas no Queen Victoria também foram dispostas para permitir uma distância de 2 metros entre os atores. "Nosso maior desafio é que temos várias unidades familiares, essa é a natureza de "EastEnders" e de novelas em geral", disse Sen.

"Famílias que estariam na mesma casa, ou seja, que, em teoria, não precisariam praticar o distanciamento social de 2 metros, são interpretadas por atores que têm que obedecer à essa regra, portanto o desafio é imenso".

As tomadas geradas por computador criam a ilusão de que os atores estão próximos uns dos outros, quando na verdade "eles foram filmados em completo isolamento um do outro".

"Então, quando estamos filmando, o ator estará falando com o vazio, essencialmente. O mesmo se aplica a seu interlocutor. A partir da montagem em computador, conseguimos colocar os dois juntos e parece que eles estão na mesma mesa", explicou Sen.

'DESAFIO'

Os novos episódios durarão cerca de 20 minutos, ao invés dos 30 habituais, quando a novela voltar a ser exibida, quatro noites por semana. Outras novelas populares vêm enfrentando os mesmos desafios das filmagens durante a pandemia de Covid-19.

A "Coronation Street", exibida pela emissora britânica ITV, retomou as filmagens em 9 de junho com estrito distanciamento social e outras medidas de segurança em vigor. Nenhum ator com problemas de saúde ou com mais de 70 anos foi autorizado a voltar ao set, excluindo nomes famosos como William Roache e Maureen Lipman.

Já a novela "Emmerdale" reiniciou a produção em 20 de maio, com a gravação de novos episódios mostrando como personagens estavam lidando com o confinamento. As restrições vieram depois da publicação, em maio, de diretrizes para que a indústria de TV volte ao trabalho.

No Brasil, a TV Globo informou que retomou as gravações da novela "Amor de Mãe" após um hiato de cinco meses, mas com um rígido protocolo de segurança para evitar a propagação do coronavírus.

Entre as medidas, estão desinfecção de cenários e objetos cênicos antes e depois da gravação, medição de temperatura na chegada ao estúdio, uso de álcool em gel e máscara e distanciamento social.

Assim como nas novelas britânicas, a produção do folhetim brasileiro inseriu placas de acrílico entre os personagens, posteriormente removido por computador. Segundo a TV Globo, dois capítulos são gravados por semana —anteriormente, eram seis.

BBC News Brasil
Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem