Cinema e Séries
Descrição de chapéu Cinema

Disney+, Netflix e Amazon flertam nas redes sociais e surpreendem usuários; entenda

Interação entre serviços de streaming se tornou assunto mais comentado nesta quarta (18)

Um smartphone com o logotipo "Disney+" em cima de um teclado na frente das palavras "Serviço de streaming"
Disney+ chegou ao Brasil país nesta terça-feira (17) com produções da Marvel, Star Wars, Pixar e mais. - Dado Ruvic-24.mar.2020REUTERS
São Paulo

Após estrear no Brasil nesta terça-feira (17), a plataforma de streaming Disney+ recebeu as boas vindas da concorrente, Netflix, através das redes sociais. A interação entre as empresas aconteceu nesta quarta (18), e se tornou um dos assuntos mais comentados no Twitter.

As trocas de mensagens divertidas entre as plataformas acabaram surpreendendo internautas e assinantes, que esperavam um clima de competição. A Netflix, que chegou no país em 2011, fez questão de receber carinhosamente a concorrente. "Seja bem-vindo Disney+. E pra você já ir se acostumando: cadê a 3ª temporada de 'The Mandalorian'?", escreveu.

Em resposta, o novo serviço de streaming brincou dizendo que ambos poderiam assistir as primeiras temporadas da série citada, juntos. "Juntos? Melhor tirar o Baby Yoda [personagem de Star Wars] da sala então", rebateu a Netflix.

A espécie de bate-papo entre as empresas levou os usuários da rede social a loucura. "Não sabia que precisava ver a Disney+ e a Netflix flertando, até ver eles flertando", comentou uma internauta.

Como se não bastasse a interação entre às duas empresas, a Amazon Prime Video não quis ficar de fora. "Se toparem, tenho um quarto reservado em Floripa", tuitou a companhia se referindo ao reality show de pegação "Soltos em Floripa", que chegou a ter dois episódios vetados devido a cenas de conteúdo sexual.

Apesar de tudo não ter passado de uma piada, alguns internautas se animaram com a interação. "Aproveitando o flerte pra perguntar por que ainda não fizeram um combo 'paga X na assinatura das três plataformas com desconto de Y'?", questionou uma usuária.

Antes de estrear no país, algumas franquias e títulos da Disney, incluindo Pixar e Marvel, estavam disponíveis na plataforma Netflix. Com a sua chegada, a concorrente precisou abrir mão dos conteúdos assinados pela companhia fundada por Walt Disney.

Confira abaixo:

Twitter
Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem