Carnaval

Rainha de bateria da Colorado tem paralisia parcial após bater a cabeça, mas deve desfilar

Muriel Quixaba sofreu um acidente doméstico na noite de domingo (9)

Muriel Quixaba é rainha de bateria da Colorado do Brás
Muriel Quixaba é rainha de bateria da Colorado do Brás - Instagram/muriel_quixaba
São Paulo

A rainha de bateria da Colorado do Brás, Muriel Quixaba, 35, perdeu temporariamente o movimento das pernas devido a um acidente doméstico que ocorreu na noite deste domingo (9). 

Muriel, que deve desfilar pela escola do Grupo Especial de São Paulo, escorregou enquanto limpava um local da sua residência –localizada na zona norte de São Paulo–  e bateu a cabeça e as costas na quina de um móvel.

Com fortes dores de cabeça e paralisia repentina dos seus movimentos, Muriel foi levada ao hospital São Camilo, na zona oeste de São Paulo. 

Em nota, divulgada nesta segunda-feira (10), a assessoria da rainha de bateria informou que ela já realizou todos os exames médicos e que seu quadro de saúde é estável. "Felizmente essa manhã os médicos identificaram que ela teve um espasmo na vértebra que interrompeu os movimentos e que aos poucos estão retornando."

Muriel Quixaba recebeu alta no final de tarde desta segunda, e agora deve continuar com a recuperação em casa. "Segundo os médicos em poucos dias (entre sete e dez) ela já estará recuperada", disse o assessor de imprensa da rainha.

A participação da Muriel no Carnaval de São Paulo não deve ser comprometida. A Colorado do Brás é a segunda escola a desfilar no sábado, dia 22 de fevereiro. Neste ano, o enredo da agremiação é "Que Rei Sou Eu? e vai abordar a história de dom Sebastião, rei português desaparecido na batalha de Alcácer-Quibir, no norte da África, em 1578. 

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem