Celebridades

'Se me difama e me xinga, tomo providência', diz Viviane Araújo sobre mulher de Radamés

Atriz processa Caroline Furlan por dano moral, injúria e difamação

Caroline Furlan e Radamés Martins, ex de Viviane Araújo
Caroline Furlan e Radamés Martins, ex de Viviane Araújo - Montagem/Folhapress
São Paulo

Viviane Araújo, 45, decidiu processar Caroline Furlan, mulher do seu ex-marido Radamés Martins por dano moral, injúria e difamação. "Eu fui ofendida por ela. A partir do momento que a pessoa me difama e me xinga, achei que tinha que tomar providências", afirmou ela ao F5.

Na quarta-feira (20), a atriz também prestou queixa contra Furlan na 42ª Delegacia de Polícia do Recreio, na zona oeste do Rio. Segundo a polícia, os agentes irão intimar a judoca a prestar esclarecimentos sobre o ocorrido, o que deverá acontecer virtualmente já que ela não mora no Rio.

No último dia 15, após vir à tona um acordo de R$ 400 mil que Araújo teria pago a Radamés para encerrar a briga judicial entre os dois, Caroline Furlan criticou a rainha de bateria do Salgueiro nas redes sociais.

Em resposta a uma seguidora, a judoca disse que Araújo "vive de mídia baseada em barraco sempre". "Porque ela precisa disso, né? Mas chega, isso vai acabar", respondeu. Sua fala causou desconforto em uma internauta, que rebateu dizendo que antes de Viviane Araújo namorar Radamés ela já era famosa por suas qualidades.

"Qualidades ou pelo Belo? Ou pelas revistas pelada? Ah, me poupe. Mérito tem quem trabalha duro, sustenta família com salário e ganha dinheiro com dignidade. Vocês são muito fúteis e alienados", afirmou Furlan.

Segundo o jornal Extra, o valor de R$ 400 mil que teria sido pago pela atriz a Radamés seria referente ao imóvel no Recreio, no Rio, onde ela atualmente mora. A propriedade foi adquirida quando eles ainda estavam juntos e, de acordo com o jornal, Radamés teria contribuído na época com R$ 100 mil.

"Ela tinha que tomar muito cuidado com o que solta. Eu não tenho medo, porque não devo nada a ninguém. Todo o mundo que conhece a gente sabe da nossa história. E eu amo a nossa história. Cuidado com a decepção", completou Caroline Furlan.

Procurada pelo F5, Furlan não se manifestou até a conclusão deste texto.

ENTENDA

Radamés Martins disse, no último dia 15, que ​estava sendo atacado e chamado de gigolô nas redes sociais após divulgação do acordo com Viviane Araújo.

"A minha filha de nove anos, que já sabe ler e escrever, ela leu no meu Instagram e me perguntou: 'Papai, é verdade que você roubou R$ 400 mil da Viviane? Pelo amor de Deus, gente. Eu preciso ouvir isso? Eu que trabalho desde moleque para ajudar meus pais tenho que ouvir isso da minha filha?", indagou ele, com a voz embargada, em vídeo publicado nas suas redes sociais.

"Acho muito estranho um negócio de um acordo que a gente fez dois anos atrás, que ela me pagou em diversas prestações [...] Ela preferiu ficar com o apartamento e isso já foi finalizado há muito tempo, e agora isso volta do nada?", questionou o jogador em outro trecho do vídeo.

Radamés acrescentou que pediu para a assessoria de Viviane que desmentisse a reportagem. "Algumas outras vezes isso já aconteceu, nunca desmentiram as matérias falsas que saíram sobre mim. Isso me leva a crer que eles [Viviane e sua assessoria] querem que as pessoas acreditem na matéria e isso é uma coisa muito séria. As redes sociais viraram um lugar perigoso, cheio de ódio", disse.

Questionada pelo F5, a assessoria de Viviane disse que de fato foi realizado um acordo entre ela e Radamés, mas não nos termos do que foi divulgado. A assessoria afirmou ainda que não poderia divulgar a negociação, porque seria um assunto particular entre eles.

Viviane e Radamés ficaram juntos por dez anos e anunciaram o fim do relacionamento em 2017. Ele está casado com a judoca Caroline Furlan, com quem tem um casal de filhos. Já Viviane Araújo namora o empresário Guilherme Militão.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem