Celebridades

BTS pede aos fãs que fiquem longe de shows para evitar transmissão de coronavírus

Grupo de k-pop fez um alerta sobre a doença que está tomando proporções mundiais

Grupo BTS
Grupo também cancelou presença de jornalistas em coletiva de imprensa que haveria após shows - GETTY IMAGES
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Descrição de chapéu BBC News Brasil
Mark Savage

O grupo de k-pop BTS pediu aos fãs que não apareçam em seus próximos shows para evitar a disseminação do coronavírus na Coreia do Sul.

A banda tem participações marcadas em programas de TV em Seul nesta semana para promover o lançamento de seu novo álbum, Map Of The Soul: 7.

Em um e-mail enviado para membros de seu fã-clube, eles confirmaram as apresentações, mas ressaltaram que não haverá plateia no estúdio. A decisão foi feita em conjunto com as emissoras.

A gravadora do grupo, Big Hit, também avisou que não haverá abertura para jornalistas nos eventos após show, as coletivas de imprensa devem ser por videoconferência. "Decidimos cooperar com a política do governo de evitar grandes eventos com multidões para tentar prevenir a disseminação do coronavírus", disse o comunicado.

"Gostaríamos de aconselhar os fãs a não irem ao local em que a coletiva de imprensa está marcada para sua própria segurança, e pedir que apoiem o BTS assistindo à coletiva pela transmissão ao vivo."

Até o momento, sete pessoas morreram da doença na Coreia do Sul, com mais de 760 infectados.

Por causa do surto, Korean Music Awards, em que o BTS está indicado nas categorias artista do ano e música do ano, foi cancelado. Os vencedores serão anunciados na internet no dia 27 de fevereiro.

grupo de K-pop BTS fez sua primeira apresentação em terras brasileiras pela turnê "Love Yourself: Speak Yourself" em maio de 2019. Cerca de 40 mil fãs estiveram presentes na apresentação.

Um fã-clube chinês do fenômeno global BTS alugou dois anúncios no Metrô de São Paulo para comemorar o aniversário de Jungkook, integrante mais novo da boyband sul-coreana. As armys (nome dado às fãs do BTS) chinesas planejaram homenagens em diversos países, como Estados Unidos, Japão e Coreia do Sul, com a ajuda de fã-clubes internacionais. 

O Brasil entrou na mira do projeto pelo grande número de fãs de k-pop no país. “Escolhemos São Paulo porque o BTS já tinha feito shows na cidade várias vezes”, explica a fã do grupo. Eles se apresentaram em maio deste ano no Allianz Parque, única parada da América do Sul da turnê mundial mais recente da boyband.

BBC News Brasil
Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem