Celebridades

Ex-cantora de k-pop, Sulli é encontrada morta aos 25 anos

Causa da morte está sendo investigada e polícia considera suicídio

Sulli, cujo nome verdadeiro é Choi Jin-ri, fez parte da banda de k-pop f(x) de 2009 até 2015
Sulli, cujo nome verdadeiro é Choi Jin-ri, fez parte da banda de k-pop f(x) de 2009 até 2015 - Instagram/jelly_jilli
São Paulo

Sulli, conhecida por ter cantado no grupo de k-pop f(x), foi encontrada morta aos 25 anos de idade dentro de sua casa, perto de Seul, capital da Coreia do Sul.

Segundo a rede britânica BBC, que conversou com a polícia, foi o empresário da cantora quem a encontrou. A causa da morte está sendo investigada, e policiais trabalham com a hipótese de que a cantora tenha cometido suicídio. Com mais de 6 milhões de seguidores no Instagram, ela era próxima do cantor Jonghyun, que tirou a própria vida em 2017, aos 27 anos.

Sulli, cujo nome verdadeiro é Choi Jin-ri, fez parte da banda f(x) de 2009 até 2015, quando saiu para focar na carreira de atriz, segundo ela mesma declarou. Mas, segundo a BBC, alguns fãs acreditam que Sulli deixou a banda por conta dos ataques que sofria online. 

Em setembro, Sulli chegou a deixar parte de seus seios à mostra acidentalmente durante uma transmissão ao vivo no Instagram, o que resultou em críticas e ameaças via redes sociais.

"Ela foi um dos ídolos que decidiu viver sua vida da maneira que ela queria, e que nem sempre se encaixava bem com o público em geral", disse a jornalista Taylor Glasby no programa Newsbeat da rádio da BBC. "Para os ídolos, tudo é sobre aparência, tudo é muito monitorado, e ela simplesmente não [monitorava seu conteúdo]. Ela era ela mesma".

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem