Você viu?

TOP 5 - Confira 5 obras brasileiras bem mais caras que uma viagem a Plutão

Para levar uma sonda pela primeira vez a Plutão (e bater uma foto fofa, que bombou na web ), a espaçonave New Horizons, da Nasa, torrou US$ 700 milhões (cerca de R$ 2,2 bilhões na cotação desta quinta feira, 23) dos cofres do governo dos Estados Unidos.

Achou muito? Pois saiba que, se dependesse do preço, a ampliação do metrô de São Paulo (com suas sete linhas em andamento funcionando) poderia nos levar mais de 15 vezes ao planeta anão —ao todo, a obra deve custar algo em torno de R$ 42 bilhões.

E essa nem é a única obra de infraestrutura do país que faz parecer uma viagenzinha a Plutão uma pechincha. O "F5" selecionou cinco construções, todas ainda não concluídas, com custos siderais.

Crédito: Nasa Imagem mais nítida já feita de Plutão, obtida pela missão New Horizons
Imagem mais nítida já feita de Plutão, obtida pela missão New Horizons


5 - FERROVIA NORTE-SUL

Só o trecho entre Ouro Verde (GO) e Estrela d'Oeste (SP), ainda em andamento, tem investimento total previsto de R$ 4,3 bilhões. A obra tinha previsão inicial de entrega para 2012, mas só 77% dos trabalhos estavam concluídos até o final do ano passado. A Norte-Sul já está perto de completar três décadas de construção sem ter alcançado o seu objetivo: a integração ferroviária do país.


4 - TRANSPOSIÇÃO DO RIO SÃO FRANCISCO

A polêmica obra de integração do São Francisco a rios temporários do semiárido nordestino por meio de canais artificiais tem investimento total previsto de R$ 8,2 bilhões. A previsão de entrega inicial era para 2012 mas, de acordo com dados do governo, apenas 70% da obra foram concluídos até fevereiro de 2014. A previsão, então, ficou para dezembro de 2015.


3 - COMPERJ

Estima-se que o Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro, uma das maiores obras em andamento da Petrobras, irá custar cerca de R$ 20 bilhões. Ela tornou-se um dos focos da Operação Lava Jato da Polícia Federal em janeiro deste ano, quando surgiram indícios de que gastos haviam sido feitos por pressão de diretores da estatal investigados, gerando prejuízo de R$ 1 bilhão.

Crédito: Divulgação/Agência Petrobras Obras do Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro, em Itaboraí
Obras do Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro, em Itaboraí

2 - USINA HIDRELÉTRICA DE BELO MONTE

Estimada atualmente em cerca de R$ 33 bilhões, é a maior obra em andamento no país. Após pedido do Ministério Público, virou alvo de investigação do TCU (Tribunal de Contas da União), que apura a participação de empresas envolvidas na Operação Lava Jato na obra.


1 - AMPLIAÇÃO DO METRÔ DE SÃO PAULO

Sete linhas do metrô paulistano são construídas ou ampliadas ao mesmo tempo. Ao todo, a obra tem investimento previsto de R$ 42 bilhões e está atrasada. As futuras estações Morumbi e Vila Sônia, da linha 4-Amarela, por exemplo, tinham previsão de entrega para 2017. Agora, devem ser inauguradas totalmente apenas em 2018. Em março, o governo do Estado também adiou a entrega da linha 5-lilás para 2017 —a previsão inicial era 2014.


Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas Notícias