Você viu?

Veneza planeja proibir malas 'com rodinhas barulhentas'

Selo BBC Brasil

A cidade de Veneza, na Itália, planeja proibir malas "com rodinhas barulhentas" em meio a preocupações de que as bagagens estejam acordando moradores durante a noite.

Autoridades querem que turistas aposentem as malas ou as substituam por alternativas "que não façam ruído" com rodinhas preenchidas por ar ou líquido.

Elas esperam que a iniciativa também proteja as ruas antigas da cidade.

Veneza, com seus famosos canais, é um dos maiores cartões postais da Itália, recebendo anualmente 27 milhões de turistas.

Um comunicado publicado no site do Conselho Veneziano (espécie de Prefeitura) afirmou que o plano foi concebido para apaziguar os moradores da cidade histórica.

"O objetivo é dar uma resposta aos inúmeros cidadãos que nos últimos anos vêm reclamando ao conselho local (Prefeitura) sobre a irritação causada pelas bagagens transportadas dia e noite", informou a nota.

MULTA

Em entrevista à BBC, um gerente de um hotel disse acreditar que a proibição não vai dar certo.

Segundo ele, o problema está no calçamento da rua e não nas malas.

Se implantada, quem trafegar com "malas de rodinhas barulhentas" poderá ser multado em até 500 euros (R$ 1560), segundo a agência de notícias AFP.

Crédito: João Brito/Folhapress Veneza estuda proibir malas com rodinhas barulhentas
Veneza estuda proibir malas com rodinhas barulhentas

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas Notícias