Televisão

'É impossível não falar de racismo', diz Sergio Malheiros sobre futuros papéis na televisão

Ator retornará às novelas da Globo como um surfista engajado

O ator Sergio Malheiros
O ator Sergio Malheiros - Jeff.Segenreich/Divulgação
 
Beatriz Fialho
São Paulo

Sergio Malheiros, 25, começou sua carreira na televisão aos sete, quando viveu o menino Raí, na novela “Da Cor do Pecado” (2004, Globo), de João Emanuel Carneiro. Esse foi seu primeiro papel de destaque.

Até hoje ele conta ser reconhecido por ter participado do folhetim. Na época, contracenou com nomes como Taís Araújo (que era sua mãe na ficção) e Lima Duarte (seu avô).

“A história girava em torno do Raí e ele tinha uma importância muito grande na novela. Isso me deixou muito feliz e até hoje me traz bons frutos. As pessoas me reconhecem como Raí na rua”, diz o ator, que interpretava o filho do casal de mocinhos.

Mas, para Malheiros, seu papel mais importante é sempre o próximo. “Cada personagem traz um novo desafio e uma série de responsabilidades”, avalia.

Após uma sequência de novelas na Record, como “Os Mutantes” (2008) e “Alto Astral” (2014), e de passar por “Malhação” (2016), ele é um dos nomes confirmados para o elenco de “Verão 90 Graus”, novela que substituirá “O Tempo Não Para”, na faixa das 19h da Globo. 

Na trama, Malheiros viverá o surfista Diego, que tem duas grandes paixões: o mar e o curso de direito. “No enredo, o mundo está vivendo um momento muito interessante no começo dos anos 1990, com o movimento negro. 

O Diego vai começar a estudar direito e vai ser influenciado por esse contexto”, adianta.“Pela minha carreira e pela minha história, é impossível não falar de racismo. 

De qualquer forma, tocar nesses pontos faz parte da minha responsabilidade como ator. Fico feliz de fazer papéis que reflitam esses temas.” 

De Izabel de Oliveira e Paula Amaral, “Verão 90 Graus” fala sobre personagens que tiveram a poupança confiscada no Plano Collor, em 1990, e teve de ser adiada para não coincidir com as eleições deste ano.

O SONHO DE DIRIGIR

Além da novela “Verão 90 Graus”, Malheiros estará também na série “Impuros” (Fox), que deve estrear
ainda em 2018. Na trama, ele é Hilbert, filho de um bandido do Morro do Dendê, no Rio de Janeiro.
O ator explica que, embora o personagem tenha uma conduta ética e moral questionável,
ele não deve ser abordado como vilão.

Segundo Malheiros, ambos os papéis serão uma boa oportunidade de abordar a temática do preconceito. Poucos sabem que está nos planos do artista ainda trabalhar como diretor. Malheiros conta que, desde que entrou em um estúdio de filmagens pela primeira vez, em 1998, ele sonha com o dia em que poderá ficar atuar por trás das câmeras.

“Eu também tenho noção de que a profissão de diretor é uma carreira longa, que exige um processo muito grande de amadurecimento. Então, estou bem tranquilo com relação a isso. É algo que eu sei que vou ir moldando com o tempo e também com que vou conseguir aprender cada vez mais”, finaliza o ator.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas Notícias