Televisão

Ator que faz vilão em 'Handmaid's Tale' se recusa a filmar cena em que estupra a mulher

Joseph Fiennes, o Comandante Waterford, diz que não fazia sentido

Cena da série The Handmaid's Tale
Os atores Joseph Fiennes e Yvonne Strahovski em cena de "The Handmaid's Tale" - George Kraychyk/Hulu/Associated Press
São Paulo

Este texto contém spoiler da segunda temporada da série.

O ator Joseph Fiennes, que interpreta o vilão Comandante Fred Waterford na série "The Handmaid's Tale",  contou que se recusou a fazer uma das cenas do roteiro em que seu personagem estuprava a mulher, Serena, interpretada por Yvonne Strahovski.

O script da série previa que o estupro ocorresse quando o casal chegava ao Canadá para negociações diplomáticas, como representantes de Gilead, a república repressiva que eles ajudaram a fundar dentro dos EUA. 

"Eu acho que de muitas formas, por mais repulsivo, cruel e mau que Fred seja, eu preciso defender algumas partes dele", disse o ator ao Entertainment Weekly.

A cena ocorreria no episódio 9 da segunda temporada, quando o casal estivesse no quarto do hotel, depois do comandante conhecer Luke (O-T  Fagbenle), marido de June (Elisabeth Moss), protagonista da série.

"Simplesmente não fazia sentido para mim. Eu precisei correr o risco e me recusar a fazer a cena, porque eu senti que mesmo Fred sendo quem ele é, ele é humano. E eu acho que  ele estaria afetado pela interação com Luke, tentando entender tudo e não mudaria de humor por estar em um novo hotel no Canadá para tentar persuadir fortemente sua mulher a fazer algo que ela não queria."

Fiennes diz que convenceu os produtores a mudar a cena depois de longos emails em que defendia e pressionava pela retirada da cena.   

A primeira temporada de "The Handmaid's Tale" é exibida no Brasil pelo canal Paramount, aos domingos, às 21h. A segunda temporada já foi confirmada pelo canal e está prevista para o segundo semestre. Nos EUA, a série já tem a terceira temporada confirmada pelo serviço de streaming Hulu.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas Notícias