Televisão

Saiba quais são as reprises de maior sucesso da Record

Produções que voltam ao ar agradam e chegam a dar mais audiência do que programas ao vivo

Amedrontados, os hebreus revoltosos correram
 

Descrição de chapéu Agora
Fabiana Schiavon
São Paulo

Em uma aposta acertada, a Record festeja boa audiência à tarde após trocar programas ao vivo por reprises de novelas. As tramas de "Bicho do Mato" (2006) e "Luz do Sol" (2007), por exemplo, chegaram aos 7 pontos no Ibope, resultado fora do comum para o horário, que costumava ficar nos 5 pontos. 

Na carona delas, as reprises de "Os Dez Mandamentos" (2016) e "José do Egito" (2013) também surpreenderam. As novelas já haviam ganhado mais espaço à tarde no ano de 2015, quando os resultados motivaram a casa a manter a estratégia. 

No início deste ano, então, o programa Record SP acabou extinto, e o Cidade Alerta foi mantido. "Houve um acerto da emissora ao apostar nas novelas. Só foi necessário fazer um ajuste quando o Cidade Alerta perdeu um pouco de tempo. A Record sofreu um baque com a morte do jornalista Marcelo Rezende, no ano passado, mas o programa se manteve muito bem com Luiz Bacci", avalia Julio Cesar Fernandes, especialista em TV e professor da Faculdade Cásper Líbero. 

O sucesso dessas duas novelas não ocorre à toa, diz Fernandes. "Elas são de uma safra da Record de novelas muito boas, um momento do auge dos estúdios Record. E ver novela à tarde já é um hábito. O Vale a Pena Ver de Novo existe na Globo desde os anos 1980, e o SBT sempre usou as novelas mexicanas nessa faixa de horário”, completa. 

As reprises do remake "Bicho do Mato" e de "Luz de Sol" ainda conversam com os desejos do público hoje, avalia Claudino Mayer, doutor em telenovela pela USP (Universidade de São Paulo). "Essas tramas marcam a retomada da novela à moda antiga. As pessoas hoje querem o sonho frente a um realidade dura."

QUALIDADE DAS TRAMAS ATRAI

Tanto a nostalgia do público quanto a qualidade das novelas bíblicas da Record explicam o sucesso das reprises de "Os Dez Mandamentos", ao longo da semana, e da minissérie "José do Egito", aos sábados.

"São produções de muita qualidade. Quem não quer rever cenas como a das pragas ou a do mar se abrindo? 'Os Dez Mandamentos' virou um clássico da emissora e todo o mundo quer ver", avalia o pesquisador Fabio Wajngarten.

Para Julio Cesar Fernandes, autor do livro "A Memória Televisiva como Produto Cultural", a reprise de novelas como essas possibilita uma segunda leitura da história.

"Ao rever, o público consegue tirar novas informações, ter um novo olhar e ainda relacionar a trama a fatos de sua própria vida. Há também aquele público que assiste por causa de todos os comentários e do sucesso que a trama teve no passado. É como 'Roque Santeiro', que teria audiência em qualquer horário."


"LUZ DO SOL" (2007). De seg. a sex., às 15h

A novela, já reprisada na Record em 2011, contaahistória de Adriana (Luma Costa), garota que some em sua festa de cinco anos sem deixar rastros. Outra saga paralela fala sobre os dilemas de Verônica (Paloma Duarte), uma assessora de casamentos. As tramas se entrelaçam ao longo da novela. A média de audiência da última semana foi de 7 pontos no Ibope*.


"BICHO DO MATO" (2007). De seg. a sex., às 15h45

Reprisada pela segunda vez, assim como “Luz do Sol”. O protagonista é Jubá (André Bankoff), um rapaz ingênuo que foi criado em meio à natureza do Pantanal mato-grossense. Ele vê sua vida mudar quando seu pai é assassinado.Anovela tem mantido a audiência média de7pontos no Ibope*.


"OS DEZ MANDAMENTOS" (2016). De seg. a sex.; às 19h45

Um dos grandes sucessos da Record, a novela é recente, mas ainda assim atrai grande audiência. A história bíblica, que narraatrajetória de Moisés (Guilherme Winter), tinha a meta de alcançar 13 pontos no horário nobre: chegou quase aos 20 pontos na época. A última semana teve média de 12 pontos no Ibope*.


"JOSÉ DO EGITO" (2013). Sáb., às 20h30

Também bíblica, a minissérie “José do Egito” conta a história de José (Ângelo Paes Leme) que, após ser vendido como escravo, é levado para o Egito, onde é injustiçado, preso e humilhado. Já é a terceira vez que a trama é reprisada na emissora, em horários diferentes. No último sábado, a audiência bateu recorde. Com média de 8,4 pontos, teve pico de 10 pontos no Ibope*.


* Na Grande São Paulo, 1 ponto de audiência equivale a 71.855 domicílios e 201.061 pessoas. Ao citar números do Ibope, coloque a conversão em domicílios ou pessoas entre parênteses.

Agora
Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem