Televisão

Além do Nobel de Economia, conheça previsões do futuro que 'Os Simpsons' acertaram

Não foram poucas as vezes em suas 28 temporadas que o desenho animado "Os Simpsons" acabou "acusado" de ter previsto o futuro.

Foi o que aconteceu nesta semana, com a divulgação do Prêmio Nobel de Economia a Bengt Holmström. Em um episódio da série que foi ao ar em 2010, Millhouse tinha apostado que o economista seria o vencedor. É verdade que demorou seis anos, mas enfim ele acertou.

Aliás, a própria conta oficial do MIT, onde Holmström, faz suas pesquisas comemorou a premonição de Millhouse.

Episódio de 2010 de "Os Simpsons" previu o vencedor do Prêmio Nobel de Econonia
Episódio de 2010 de "Os Simpsons" previu o vencedor do Prêmio Nobel de Economia - Reprodução/Twitter/MIT

Essa não é a única previsão científica correta da série que se mostrou acertada. 

Em um capítulo que foi ao ar em 1998, Homer teria descoberto o Bóson de Higgs dez anos antes da ciência. É parcialmente verdade. O bóson foi comprovado apenas cerca de dez anos depois, mas desde a década de 1960 já havia teorias sobre ele. Uma delas foi representada no desenho.

No esporte, ao retratar a Copa do Mundo de 2014, o desenho disse que El Divo, craque da seleção brasileira e "maior mestre da falsa lesão que o futebol já conheceu" acaba lesionado e não volta mais a campo.

Na Copa, Neymar se machucou no duelo contra a Colômbia e desfalcou o Brasil na partida contra a Alemanha, no histórico 7 a 1. Aliás, os Simpsons apontaram a Alemanha como a campeã do torneio, o que de fato acabou acontecendo.

Ainda nas previsões esportivas, um episódio de 2005 mostrava que as equipes de futebol americano do Denver Broncos e do Seattle Seahawks se enfrentariam no Super Bowl, a decisão da modalidade.

Nove anos depois, as duas equipes de fato decidiram o título, mas a série errou o resultado. Ao contrário do que o desenho exibiu, Seattle foi o campeão após um passeio de 43 a 8. Essa não deixa de ser uma previsão fácil. Era provável que em algum momento da história os times viriam a se enfrentar.

Simpsons
Cena do episódio "You Don't Have to Live Like a Referee", de "Os Simpsons" - Reprodução

Há outras previsões polêmicas da série. Um episódio da animação diz que Donald  Trump foi presidente dos EUA e Lisa o sucedeu no cargo. O capítulo foi ao ar em 2000, cerca de 15 anos antes de Trump de fato concorrer à Casa Branca.

No entanto, no fim da década de 1990, o empresário já havia declarado interesse em disputar o cargo, o que inspirou os criadores da série.

Quanto a Trump, uma previsão de que ele concorreria à presidência é atribuída à série, inclusive uma imagem de o empresário descendo uma escada rolante é usada para comprovar essa teoria. Mas é falsa. A cena só foi ao ar depois de a campanha ter começado.

Entre outros acertos corretos da série está a crise na Ucrânia, o tigre dos mágicos Roy e Siegfried ter atacado a dupla e até mesmo o 11 de Setembro.

Os Simpsons
Capa de revista exibida em "Os Simpsons" sugere previsão do 11 de Setembro - Reprodução

Na teoria maluca a junção do número 9, como preço de uma revista, e da imagem das Torres Gêmeas forma a data 9/11 (11 de setembro, no modelo usado nos EUA).

O episódio "Nova York contra Homer Simpson" foi ao ar em 1997. Nele, o personagem viaja à cidade com a família para recuperar seu carro, que foi abandonado do lado de fora do World Trade Center. Os edifícios, alvos dos atentados terroristas de 2001, são mostrados várias vezes.



Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas Notícias