Televisão

Betty Faria quer que vovó moderna de 'Boogie Oogie' sirva de inspiração

Após uma breve participação em "Avenida Brasil" (2012), Betty Faria, 73, volta com um personagem fixo em "Boogie Oogie", nova novela das 18h da Globo.

Sua personagem, a viúva Madalena, é dona da mansão na Gávea onde vive a família da mimada Vitória (Bianca Bin). O alto astral da matriarca faz a alegria dos netos, mas não cai bem com a nora, Carlota (Giulia Gam).

"A vovó não é maluca. É uma maneira de a nora tratar a sogra pejorativamente. Depois que ela ficou viúva, ela decidiu aproveitar um pouco a vida, mas é uma pessoa que enxerga a vida com uma lente muito positiva, inclusive convive com essa nora que agride, fala coisas absurdas, mas ela não liga, abstrai. Ela tem um projeto de vida de ser feliz nos últimos dias que lhe restam", explica a atriz.

Apesar do sucesso da vó Madalena com os netos na ficção, Betty diz não saber se repete a impressão com seus quatro netos da vida real, mas se esforça para agradar.

"Acho que eles gostam bastante de mim. Sou uma vó atenciosa, atenta, amorosa. Mas não posso ficar falando de mim. De repente, vem um e diz que eu sou uma chata. Tem que perguntar para eles", desconversa.

A vida de Madalena não vai orbitar apenas em torno dos netos na trama. A viúva vai ajudar a família de Alex (Fernando Belo) depois que o rapaz, noivo de Sandra (Ísis Valverde), morre num acidente de avião enquanto resgatava Rafael (Marco Pigossi).

Com isso, Madalena vai se aproximar de Sandra, que é sua neta biológica, trocada na maternidade, e ainda vai encontrar um novo amor em Vicente (Francisco Cuoco).

"Espero que ela passe às pessoas um eco bom, especialmente junto às mulheres da terceira idade, que dê uma esperança de uma vida gostosa", encerra.


Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem