Publicidade

televisão

Nielsen não vai mais medir ibope no Brasil

06/02/2012 - 07h40

Publicidade

DE SÃO PAULO

Subiu no telhado o plano da Nielsen de entrar no mercado de medição de audiência em TV, no Brasil.

A proposta, que surgiu em setembro de 2011, esbarrou em uma cláusula contratual. A Folha apurou que o maior entrave foi o prazo de vínculo que a Nielsen pretendia exigir dos futuros clientes: algo em torno de sete anos.

A alegação do instituto é que custo de implantação da medição de audiência é alto, e ele não poderia arcar com eventuais desistências. As emissoras não aceitaram o vínculo.

A Nielsen não se pronunciou sobre o assunto.

A informação é da coluna Outro Canal, assinada por Keila Jimenez e publicada na Folha desta segunda-feira (6).

A íntegra da coluna está disponível para assinantes do jornal e do UOL, empresa controlada pelo Grupo Folha, que edita a Folha.

  • Últimas notícias 
  •  

gostou? leia também

  •  

Publicidade

resumo das novelas

Siga agora o F5 no Twitter

Livraria da Folha