Música

Marília Mendonça e Anitta são as mulheres mais ouvidas no Brasil e no mundo no streaming

Cantoras lideram levantamentos das plataformas Deezer e Spotify

Marilia Mendonça e Anitta em momento de carinho
São Paulo

Não tem para ninguém. Marília Mendonça e Anitta são as mulheres mais ouvidas no Brasil e no mundo nas plataformas de streaming. Os dados são da Deezer (mundo) e do Spotify (Brasil).

Segundo o Spotify, o primeiro lugar fica com a rainha da sofrência Marília Mendonça, a mulher mais ouvida no Brasil entre o 1º dia do ano até 1º de março. Anitta e Ludmilla completam o pódio. Juntas, as três são responsáveis por quase 500 milhões de streamings somente em 2020.

Já no estudo levantado pela Deezer, Marília e Anitta aparecem também em 1º e 2º lugares respectivamente como as cantoras mais ouvidas no planeta nos últimos 12 meses.

Já na categoria hit do ano, o single de Marília “Todo Mundo Vai Sofrer” ficou em segundo lugar, com 29%. Quem levou o troféu foi "Onda Diferente", —que rendeu Prêmio F5 de bafão do ano com disputa de autoria entre Anitta e Ludmilla—, com 31%. ​

As duas desbancaram nomes como Ariana Grande (3º), Lady Gaga (5º), Rihanna (9º) e Beyoncé (10º).

Os levantamentos foram feitos especialmente para celebrar o Dia Internacional da Mulher, comemorado no dia 8 de março.

Anitta também é uma das personalidades femininas contempladas na nova lista da revista Forbes Brasil que classifica as 20 mulheres mais poderosas do país em homenagem ao Dia Internacional da Mulher.

Marília foi bem no ano de 2019. Além do sucesso do seu projeto musical "Todos os Cantos", ela também virou mamãe. A cantora sertaneja deu à luz Leo, seu primeiro filho com o cantor Murilo Huff. E

Ela venceu o Prêmio F5 de cantora do ano e consagrou seus hinos da "sofrência". Ela levou 36% dos votos na categoria e desbancou Anitta (32%), Ludmilla (9%), Pabllo Vittar (5%) e Iza (18%).

 
Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem