Música

Wiz  Khalifa é acusado de plagiar canção 'Most of Us' de outro rapper

Cymple  Man diz ter dado uma cópia da música ao cantor, em 2012

O rapper Wiz Khalifa
O rapper Wiz Khalifa - Mario Anzuoni-12.mar.2016/Reuters

REUTERS

O rapper Wiz Khalifa foi acusado em uma ação civil de copiar grande parte de sua canção "Most of Us", de 2016, de uma composição de mesmo nome de outro rapper feita seis anos antes.

A versão de Khalifa "copia inconfundivelmente os elementos essenciais da canção de Cymple Man", de acordo com uma queixa registrada nesta quinta (1°) no tribunal federal de Manhattan contra Khalifa e suas gravadoras, inclusive a Atlantic  Records, do Warner Music  Group.

Uma porta-voz de Khalifa não respondeu de imediato a pedidos de comentário, e a Atlantic Records não tinha comentário a fazer de imediato.

Cymple Man, cujo nome é Dustin Bennett, disse ter dado uma cópia de "Most of Us a Khalifa" em 2012, no Aeroporto Internacional de Salt Lake City, enquanto ambos viajavam para fazer apresentações, para Khalifa decidir se os dois deveriam trabalhar juntos.

Khalifa nunca respondeu, mas incorporou parte da letra e o refrão à sua própria composição sem permissão nem pagamento de direitos autorais, segundo a acusação.

"Além disso, Khalifa utiliza o termo 'most of us' (a maioria de nós) para apresentar ao público o mesmo tema de comportamento pecaminoso com a mesma expressão" de uma maneira caracteristicamente original do trabalho de Bennett, segundo a ação civil.

O demandante, que mora no sudeste da Geórgia, disse ter registrado os direitos autorais da canção em março de 2010, e que os réus se recusaram a apresentar qualquer acordo de licenciamento ou direitos autorais.

Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem