Música

Rapper Hungria se destaca com música em 'Malhação' e letras que falam de amor e festa

Rapper Hungria, que nasceu em Brasília, planeja fazer seu primeiro DVD
Rapper Hungria, que nasceu em Brasília, planeja fazer seu primeiro DVD - Reprodução/Instagram/hungria_oficial


O rapper brasiliense Hungria, 26, é sucesso com suas músicas de batidas fortes e que versam sobre amor, memórias da infância, balada e outras experiências pessoais.

Uma dessas canções, “Lembranças”, faz parte da trilha sonora da novela “Malhação: Viva a Diferença” (Globo). A letra aborda o que ele passou durante a adolescência e, no YouTube, já ultrapassa a marca de 89 milhões de visualizações.

“A gente foi pego de surpresa [pelo convite da Globo]. Com certeza, uma música em 'Malhação' abre muitas portas. Antigamente, o rap não tinha muita visibilidade televisiva e nas rádios. Hoje, a gente consegue romper essa barreira”, comenta.

“Sobre o tema amor, antigamente eu não falava muito disso, mas com o tempo fui amadurecendo a ideia e comecei a compor sobre isso. É um assunto bacana, que todo o mundo vive. Outros temas sobre os quais eu gosto de compor bastante são o que eu vejo nas minhas saídas, na noite”, reforça.

O rapper é um verdadeiro fenômeno nas redes sociais. Seus clipes, bem elaborados, somam 600 mil visualizações. A internet é tão importante para o artista que seu trabalho todo é feito nela.

“Nunca tive um disco físico, aliás, isso é algo importante. Ainda vou lançar. A internet sempre foi o meu amparo. Minha história de vida trouxe a identificação das pessoas comigo”, diz.

“Um desejo que eu tenho é a gravação do meu DVD e acho que vai ser marcante. Outra coisa é começar a alinhar o projeto de carreira internacional. Já tenho alguns pedidos para fora, como Paris, EUA e Japão”, conclui Hungria, que conta 13 anos de carreira.

PARCERIA COM LUCAS LUCCO

A parceria entre Hungria e o cantor Lucas Lucco na faixa “Quebra Cabeça” rendeu muita repercussão ao rapper no YouTube. O videoclipe já conta com mais de 40 milhões de visitas.

“Lucas Lucco é meu parceiro, a gente se fala, troca ideia. A música foi e ainda é sucesso. A parceria com ele foi maravilhosa. Só tenho a agradecer a receptividade dele, o carinho e o acolhimento. O legal é que ele é livre de regras, se gostou, grava”, diz o rapper.

Outro sertanejo com quem Hungria gostaria de gravar é Luan Santana. Ele espera por um encontro. “O Luan eu não conheço ainda, mas fiquei sabendo que ele escuta e admira meu trabalho. Seria um prazer ter essa experiência, sentar com ele, conversar e compor”, almeja.

A reportagem foi publicada no "Caderno Show", do jornal "Agora".

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas Notícias