Celebridades

Sharon Stone diz que médico aumentou seus seios sem consentimento

Atriz fez cirurgia plástica de reconstrução depois de remover tumores benignos

Sharon Stone - Instagram/sharonstone
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

A atriz Sharon Stone, 63, estrela de “Instinto Selvagem”, diz que um cirurgião plástico aumentou seus seios sem seu consentimento e falou que “ficariam melhor” com seu corpo. A afirmação da atriz foi escrita em seu novo livro de memórias.

A atriz explica que foi submetida a uma cirurgia de reconstrução de mama para reparar seu tórax depois que os médicos tiveram que remover tumores benignos, em 2001. “Gigantescos, maiores que meus seios apenas", afirma.

Em entrevista ao The Times, a atriz diz que quando estava sem bandagem descobriu que o médico havia colocado grandes próteses mamárias. Ao questionar o cirurgião, ele falou para a atriz: "achava que eu ficaria melhor com seios maiores, melhores'", diz. "Ele mudou meu corpo sem meu conhecimento ou consentimento”, afirma.

A atriz também fala sobre o derrame e a hemorragia cerebral que teve aos 43 anos, em 2001. "A sala estava tão silenciosa", diz ela. "Quando a sala está tão silenciosa e ninguém está correndo por aí tentando consertar você, é quando você percebe o quão perto da morte está e como tudo é sério", afirma.

Stone se recuperou e fez uma pausa de dois na atuação enquanto se recuperava da saúde, mas disse em uma entrevista à Variety, em 2019, que o derrame atrofiou sua carreira e que deixou de estar no topo. Ela buscou trabalho por sete anos enquanto também perdia a custódia primária de seu filho adotivo Roan.

A atriz destacou que as pessoas a trataram de forma brutalmente cruel. Segundo ela, outras mulheres e até a juíza que cuidou do caso de custódia não entenderam como é perigoso um derrame e o que é preciso para se recuperar.

"Perdi tudo o que tinha. Perdi meu lugar no negócio", afirma. "Eu era como a estrela de cinema mais quente, sabe? Era como se a princesa Diana e eu fôssemos tão famosas, e ela morreu e eu tive um derrame. E fomos esquecidos”, diz.

Stone se reconciliou com o filho Roan, agora com 20 anos. Ela vive com ele e seus outros dois filhos adotivos, Laird, 15, e Quinn, 14, e se diz muito agradecida. "Quando eu era criança, sempre quis ter uma casa cheia de crianças correndo, gritando e cachorros, e consegui. E me sinto muito abençoada e feliz com a vida que tive. Somos felizes juntos, e o que é melhor do que isso?", questiona a atriz.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem