Celebridades

'Lembra quando falavam que seu filho ia ser bandido?', diz Nego do Borel para mãe

Cantor lembra de pobreza na infância em texto de homenagem ao Dia das Mães

Cantor Nego do Borel
Cantor Nego do Borel - Instagram-20.mai.2020/@negodoborel
São Paulo

No Dia das Mães deste domingo (10), Nego do Borel, 27, fez uma declaração para sua mãe, Roseli Viana, na qual relembrou o período em que ambos viveram sob goteiras e sendo julgados por terceiros.

Em seu perfil no Instagram, o cantor compartilhou uma imagem em que ele e a mãe estão dentro de uma casas humilde. Na legenda, ele citou as dificuldades financeiras e o preconceito que enfrentaram.

"Mãe linda, lembra quando falavam que seu filho ia ser bandido quando grande? Lembra que falaram que seu filho não ia dar em nada? Lembra quantas vezes eu matei aula (me arrependo hoje), repeti 7 vezes", diz o cantor.

"Pois é mãe, eu me lembro quando chovia na nossa casa e a gente saía botando panela na direção das gotas dentro de casa. Lembra mãe quando eu não almoçava pra poder jantar?", continuou. "Lembra que minha vó tinha que subir o morro todos os dias cansada depois de um dia limpando vaso, limpando casa de madame..."

Ao final do depoimento, o cantor diz que ela nunca deveria esquecer que eles são vencedores, e que ele conseguiu dar orgulho a ela, se distanciando de tudo o que previram sobre ele.

"Eu não uso droga, sou cristão, sou cantor de funk, o Brasil me ama, levo alegria por onde passo, consegui ter um futuro diferente de muitos amigos que perdi pro tráfico e muitos que nem aqui estão mais", disse.

Nos stories, Nego do Borel também publicou fotos com a mãe, e apareceu em um vídeo no qual passa pelo serviço de Drive-Thru da rede de fast-food Mc Donalds.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem