Celebridades

Sasha Meneghel desembarca no Rio para acompanhar velório da avó

Dona Alda, mãe de Xuxa, morreu nesta terça (8)

Sasha Meneghel na Festa do Taípe, na virada do ano em Trancoso (BA)
Sasha Meneghel na Festa do Taípe, na virada do ano em Trancoso (BA) - André Ligeiro/Divulgação

São Paulo

Sasha Meneghel desembarcou no aeroporto Internacional Tom Jobim, no Rio de Janeiro, nesta quarta (9). A estudante de moda, que mora em Nova York, veio ao Brasil para acompanhar o velório da avó, Alda, que morreu na manhã desta terça (8) aos 81 anos. 

A mãe de Xuxa Meneghel sofria com Mal de Parkinson, doença degenerativa, há 17 anos e já havia sofrido dois AVCs (acidente vascular cerebral). 

Sasha foi recepcionada no aeroporto pelo pai, Luciano Szafir. O Velório acontecerá nesta quarta (9), às 12h30, na capela do cemitério Jardim da Saudade de Paciência, na zona oeste do Rio, e será reservado à amigos e familiares. O enterro está previsto para às 14h. 

Xuxa e Sasha prestaram homenagens à matriarca da família em suas redes sociais. "Meu passarinho voou e vai pintar um lindo por de sol pra nós", disse a apresentadora da Record na legenda de uma foto publicada no Instagram em que Alda aparece pintando um quadro. 

A homenagem de Sasha foi pela mesma linha. "Pinta esse céu que agora ele é seu minha Aldinha", escreveu a estudante numa foto panorâmica da cidade americana. 

Em entrevista à coluna de Mônica Bergamo em agosto de 2017, Xuxa disse que a mãe "não anda, não fala". "[Minha mãe] não tá muito bem não, infelizmente. Ela está no último estágio do Parkinson. Ela não se comunica mais com a gente, não mexe mais nem um dedo. Ela tá presa no corpo. [O Parkinson] vai fazendo com que alguns órgãos parem de funcionar. Então parou o estômago, ela se alimenta por sonda, não anda, não fala. Vai diminuindo tudo e ela vai ficando presa dentro desse corpo, como num casulo."

Na mesma entrevista, a apresentadora disse que ela, e quase todos os médicos, acreditavam que dona Alda estava "ali porque ela viu o meu sofrimento e não quer me deixar". "Então ela meio que briga para não ir embora."

Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem