Celebridades

Isis Valverde ganha processo contra a "Playboy" no STJ e será indenizada

Isis Valverde venceu mais uma batalha da disputa judicial que trava com a Editora Abril. O STJ decidiu, por unanimidade, que a atriz deve ser indenizada em R$ 40 mil por conta de uma foto publicada sem autorização pela revista Playboy, então propriedade do grupo.

Segundo a assessoria da atriz, que confirmou a informação ao UOL, o valor da indenização por danos morais, atualizado, está em torno de R$ 118 mil. A Abril ainda terá de pagar uma indenização por danos materiais, correspondente ao valor que uma atriz com a projeção que Isis tinha à época receberia para aparecer na revista.

A foto que motivou o processo foi tirada nos bastidores da novela Paraíso Tropical, em uma cena na qual Isis aparecia com os seios descobertos. A Playboy a publicou, em abril de 2007, com a legenda Isis Valverde, no Rio, dá adeusinho e deixa escapar o cartão de boas-vindas. Na novela, a atriz interpretava a prostituta Telma.

Além do uso indevido da imagem, o processo questionou o uso de texto difamatório e inverídico na referida fotografia e afirmou que a "imagem veiculada traduz comentários de cunho malicioso e indecoroso que não possuem relação com as atividades da atriz".

A Editora Abril ainda pode recorrer da decisão. O UOL procurou a empresa, mas ela não se pronunciou até a publicação deste texto.





Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas Notícias