Celebridades

Apontada como 'nova Anitta', cantora Lexa diz que, na verdade, se inspira em Sandy

Novo nome do funk carioca, Lexa (pronuncia-se Lécha) já entrou na cena musical sendo comparada a quem estava lá há mais tempo: Anitta.

A cantora de 20 anos, que também escolheu o "funk melody" como seu estilo, tem bastante em comum com a precursora: é morena, carioca, de voz doce, canta e dança em seus shows e conquista pelo carisma.

Mas Lexa confessa não gostar das comparações. "Entendo que me comparem a ela porque somos do mesmo segmento, assim como Ludmilla e Valesca [Popozuda]. Gosto das músicas dela, respeito o trabalho dela. Mas graças a Deus, cada dia que passa estão comparando menos", desabafou, em entrevista ao "F5".

Na internet, os fãs de uma se dedicam ao esporte de esculachar a outra, rivalidade que não é espelhada pelas próprias cantoras. Mas Lexa diz não se abalar com as mensagens de ódio. Sua página na "Wikipedia" chegou a ficar por algum tempo com o nome "Imita Araújo", em referência a Anitta. (O nome de batismo dela é Léa Araújo. O "X" veio da paixão da mãe por Xuxa).

"Não fico chateada, não. Amor de fã é uma coisa linda, eles não medem palavras. Eles defendem a ídola acima de tudo. Às vezes tem algumas mensagens de ódio, mas eu respondo com carinha feliz, desejando paz a todos", diz, serena.

<> Galeria de Imagens
36315
Matéria importada do Spiffy News

Mas contrariando as acusações dos fãs e a ídola da mãe, não é em Anitta nem em Xuxa que a funkeira tem sua maior inspiração, e sim em uma cantora de outro gênero: Sandy.

Assim como a filha de Xororó, Lexa faz a linha "santinha": é católica, não bebe, não fuma, não fala palavrão e sonha em encontrar o príncipe encantado. "Outro dia ela soltou o primeiro palavrão na minha frente: foi 'merda'", revela a empresária da cantora, Priscilla, aos risos.

"A Sandy é minha maior referência. Conheci ela no 'Superstar', chorei muito", lembra. "Ela é uma flor. Eu sou como ela, faço a linha romântica, gosto de vestido de cintura alta, adoro cantar músicas de amor... Sou meio boba", se derrete.

CAMINHO DO FUNK

Filha de produtora musical e enteada de músico, Lexa canta desde pequena e teve sua primeira oportunidade profissional aos 16 anos. Um contratante procurou sua mãe pedindo uma funkeira para uma festa. Lexa, em uma semana, ensaiou uma coreografia com duas dançarinas e montou um show. O contratante gostou e a chamou para mais duas apresentações, mas a carreira teve de ser pausada por um tempo, enquanto ela ainda terminava os estudos.

Já formada, prestou vestibular e entrou em engenharia na UFRJ. "Mas eu precisava trabalhar, não estava dando conta de fazer só a faculdade. Consegui bolsa em outra faculdade, uma particular, mais perto de casa, mas era em contabilidade", conta. Frustrada novamente, prestou vestibular pela terceira vez e voltou à UFRJ, mas agora para estudar matemática. "Sou apaixonada por matemática!", se diverte. Após abandonar as três faculdades, ela decidiu apostar na música.

A mãe traçou o projeto: em dois anos, elas tinham que chegar ao produtor Batutinha, um dos maiores nomes no segmento. Chegaram em dois meses. Lexa ficou um ano na empresa de Batutinha e lá lançou seu primeiro hit, "Baladeira". Depois, foi para a K2L, a companhia que lançou Anitta (e que hoje enfrenta disputa judicial com a cantora). Na K2L, gravou o primeiro clipe e começou a emplacar nas rádios de funk. Em março deste ano, assinou contrato com a Som Livre.

O plano agora é ficar famosa em todo o Brasil. No Rio, ela já é reconhecida nas ruas. Tem feito cerca de 15 shows por mês, mas pretende aumentar a frequência. Em suas apresentações, Lexa canta quatro músicas próprias e o resto de outros artistas: Anitta, Ludmilla, Valesca Popozuda, Cazuza, Katy Perry, Beyoncé, Ariana Grande, Claudinho & Buchecha, Leozinho e Kid Abelha são alguns dos nomes que aparecem em sua setlist.

Na vida pessoal, Lexa está "solteiríssima" e curtindo a nova fase. Apesar de passar bem menos tempo com a família, ela comemora a oportunidade de conhecer e interagir com outros artistas, como Valesca Popozuda, Thiaguinho e sua musa inspiradora, Sandy.


Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas Notícias