Celebridades

Candidatas tentam hackear votação online para burlar Miss Bumbum, diz organização

A organização do concurso Miss Bumbum informou que não contabilizou os votos de programas automáticos de computador que algumas candidatas tentaram utilizar.

Segundo a assessoria de imprensa do concurso, a equipe de informática detectou o uso desses programas e informou à organização, que ignorou os votos.

As quinze finalistas do concurso foram eleitas por voto popular pelo site oficial do Miss Bumbum. A final acontece no dia 13 de novembro, em São Paulo.

Uma das participantes desclassificadas, Renata Pinheiro, acusou o concurso de fraudar o resultado da votação online.

Renata alega que passou do quarto para 11º lugar e que não ficou entre as 15.

A organização do concurso informou que o jurídico do Miss Bumbum já entrou em contato com Renata, que inclusive estaria desrespeitando uma das regras do concurso.

"Ela participa de outro concurso, então quem está burlando as regras é ela. Nossos advogados já entraram em contato com ela", disse o assessor de imprensa do Miss Bumbum.

"Estamos acostumados com candidatas que reclamam. É um concurso com 27 pessoas, só uma vai ficar feliz, as outras vão reclamar, é natural".


Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem