Publicidade

celebridades

Nicki Minaj conquista fãs com rap pop e figurinos extravagantes

30/11/2011 - 09h33

Publicidade

CAROL NOGUEIRA
DE SÃO PAULO

Na semana passada, a cantora Nicki Minaj recebeu o título de Rising Star --algo como estrela em ascensão-- de 2011 da revista "Billboard".

O prêmio já foi concedido a Lady Gaga em 2009, artista de quem Minaj é considerada a versão negra.

Não que a música que elas fazem se assemelhe. Embora Minaj faça um rap bem pop, a comparação é mais pelas roupas extravagantes.

Minaj nasceu em Trinidad e Tobago, mas se mudou aos cinco anos de idade para o Queens, bairro de Nova York. Ainda garotinha, estudou clarinete e fez teatro.

Kevin Winter/France Presse
A rapper Nicki Minaj se apresenta no Staples Center, em Los Angeles, em abril último
A rapper Nicki Minaj se apresenta no Staples Center, em Los Angeles, em abril último

Mas foi só em 2007, aos 24 anos, que ela lançou sua primeira mixtape [coletânea de músicas] de hip-hop: "Playtime Is Over".

Duas mixtapes e dois anos depois, foi descoberta pelo rapper Lil Wayne, que a contratou para sua gravadora.

Em 2010, Minaj já dava sinais de que havia chegado para ficar, quando gravou a faixa "Monster" para o disco "My Beautiful Dark Twisted Fantasy", de Kanye West. Em retribuição, ele gravou "Blazin" para o disco de estreia dela, "Pink Friday".

Além de West, o disco tinha Eminem, Rihanna e will.i.am, mais um punhado de músicas que vão do rap e do R&B ao pop açucarado.

Bastou para que vendesse, em apenas um mês, 1 milhão de cópias --um grande feito em tempos de crise.

E Minaj não parou de surpreender. Com a música "Your Love", foi a primeira mulher a alcançar o topo das paradas de rap da "Billboard" desde Missy Elliott em 2002.

Ela também se tornou a primeira mulher a constar na lista de apostas de MCs da MTV.

Neste ano, Minaj abriu vários shows da turnê da princesinha do pop Britney Spears nos Estados Unidos. E Madonna já anunciou que está trabalhando com ela e M.I.A. em uma nova música.

Minaj já tem até uma seguidora: a cantora inglesa Azealia Banks, a pessoa mais cool de 2011 segundo a revista britânica "NME".

Azealia, no entanto, nega as comparações e até já criticou Minaj em entrevista à revista "GQ" americana dizendo que a rapper não passa de um "tributo à Lil' Kim".

Em fevereiro, Minaj lança seu segundo disco, "Pink Friday: Roman Reloaded". E está longe de parar.

  • Últimas notícias 
  •  

gostou? leia também

  •  

Publicidade

Siga agora o F5 no Twitter

Livraria da Folha