Bichos

Canal de televisão exclusivo para cachorros é lançado nos EUA

Com um potencial de audiência para 80 milhões de cachorros, foi criado nos Estados Unidos a "DogTV", primeiro canal de televisão com programação dedicada exclusivamente aos animais de estimação, que passam cada vez mais tempo sozinhos em casa enquanto seus donos trabalham.

A "DogTV" surge depois do sucesso televisivo do programa "O Encantador de Cães", de César Millán.

O canal, vinculado à TV por assinatura DirecTV e disponível também na internet, será gratuito nas duas primeiras semanas de agosto, com o objetivo de atrair 46 milhões de famílias americanas donas de mascotes.

A emissora usa dados científicos: na gama de cores utilizada predominam o vermelho e o verde, já que os cachorros não distinguem o amarelo e o azul; a música, os sons e as frequências se adaptam àqueles que são agradáveis para o ouvido canino e o conteúdo procura "estimular" estes animais.

Além disso, as televisões de LCD, que emitem as imagens a 100 hertz, anularam a diferença que se produzia entre a visão humana (que conecta imagens em movimento a partir de 50 e 60 hertz) e a canina (entre 70 e 80 hertz).

Antes, com o antigo sistema de televisão, um cachorro percebia o salto de imagem e via a programação como "frames" descontínuos.

Os criadores da "Dog TV" se baseiam em uma pesquisa do American Kennel Club e da marca de comida para cachorros IAMS, que revelou que quase a metade dos donos entrevistados constatou que seus cachorros já tinham demonstrado interesse pelo que passa na televisão.

Crédito: Brendan Smialowski/AFP O cachorro Bandit assiste a um programa da Dog TV, que se intitula o primeiro canal pensado para os cães
O cachorro Bandit assiste a um programa da Dog TV, que se intitula o primeiro canal pensado para os cães

PROGRAMAÇÃO

A programação da "DogTV" é exibida 24 horas por dia durante toda a semana e se divide em três blocos. "Os cachorros, como os humanos, também ficam entediados quando assistem sempre a mesma coisa", garantiu o executivo-chefe da emissora.

O primeiro bloco é de programas relaxantes que mostram paisagens espetaculares e outros cachorros "relaxando", sem nada que agite os espectadores.

O segundo é dedicado a programas estimulantes, com mais movimento e sons mais "brincalhões".

Por enquanto, não há publicidade e o preço deste canal oscila entre US$ 5 e US$ 10 mensais, de acordo com o pacote de ofertas de canais.

O canal não exclui outros animais de estimação. Mas "Os gatos não são tão sociáveis e não sofrem tanto com a solidão", afirma o canal.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas Notícias