Cinema e Séries
Descrição de chapéu Cinema

Jennifer Hudson vive Aretha Franklin após ser escalada pela própria cantora

Atriz conta que costumava fazer ligações semanais para a rainha do soul

Jennifer Hudson na première de "Respect" em Los Angeles - Valerie Macon-8.ago.2021/AFP

Continue lendo com acesso ilimitado.
Aproveite esta oferta especial:

1 ANO DE DESCONTO

3 meses por R$1,90

+ 9 de R$ 19,90 R$ 9,90

ASSINE A FOLHA

Cancele quando quiser

Notícias no momento em que acontecem, newsletters exclusivas e mais de 120 colunistas.
Apoie o jornalismo profissional.

Alicia Powell
Nova York

Jennifer Hudson, 39, disse estar nervosa e animada para que as pessoas assistam a "Respect". A produção é uma homenagem à falecida Aretha Franklin, que a havia escolhido para interpretá-la no filme biográfico que chega aos cinemas na sexta-feira (13).

O filme foca nos desafios da vida de Franklin, desde criança, no coral da igreja gospel do pai, passando pela violência doméstica e pelo vício em álcool, até alcançar a fama mundial. Segundo a atriz, ele "vem do coração e é uma homenagem à senhora Franklin, e espero que da melhor maneira possível".

Hudson, que cantou no funeral de Aretha, disse que sentia que ambas possuem muito em comum. "Nossa fé, essa é uma [coisa em comum]", afirmou. "Eu não sabia que ela teve as tragédias que teve em sua vida, isso também."

Vencedora do Oscar por "Dreamgirls", a atriz contou que fazia ligações semanais para a cantora antes de sua morte, e a cantora enfatizou que queria que a fé fosse o tema principal do filme. "Essa era sua base e premissa, e isso foi a coisa mais importante para eu lembrar a todos e manter o contexto durante todo o processo", disse Hudson.

A diretora Liesl Tommy disse que os momentos mais sombrios de Aretha foram parte fundamental de sua jornada. "Você pode ir a qualquer igreja e ouvir qualquer coro e há vozes surpreendentes", afirmou. "Mas ela tinha algo diferente, que era sua capacidade de trazer emoção para suas canções, para sua narrativa."

"Respect" também é estrelado por Forest Whitaker, Audra McDonald, Marc Maron e Marlon Wayans, entre outros. Este é o segundo projeto deste ano a contar a história notável da rainha do soul.

Cynthia Erivo interpretou Aretha Franklin na série de TV "Genius: Aretha", lançada em março. O papel rendeu à atriz britânica uma indicação ao Emmy.