Publicidade

'Alto Astral' e os melhores e piores nomes de novela

09/11/2014 - 09h21

Publicidade

DE SÃO PAULO

A Globo estreou nesta semana sua nova novela das sete, "Alto Astral".

Ainda não tive tempo de dar uma olhada —prometo fazê-lo neste fim de semana. Mas uma coisa me chamou a atenção antes de ela estrear: ô nomezinho ultrapassado...

Alguém, em 2014, ainda diz que fulano é "mó alto astral"? Ou que achou tal festa "super alto astral"? Esse título só perde para outro dinossauro da Globo, a eterna "Malhação".

Me perdoe, mas ninguém hoje em dia vai malhar, todo mundo vai treinar. Enfim, não sei se a palavra ainda tem algum uso no Rio - em São Paulo, praticamente entrega a sua idade.

Também pudera: "Malhação" estreou nos idos de 1995, e este ano completou duas décadas de vida, mesmo com seus péssimos atores e texto capenga.

Já que o assunto é título de novela, separei uns bloquinhos temáticos para a gente pensar nesse assunto fundamental para o bom andamento da nação:

Os títulos mais legais
Cuca Legal
Pão Pão, Beijo Beijo
Amor com amor se paga
Estúpido Cupido
Feijão Maravilha
Bambolê
A Gata Comeu (vai entender...)
Mulheres de Areia
O Salvador da Pátria
O Dono do Mundo
Rainha da Sucata (tudo bem, "sucata" também caiu em desuso...)
Que Rei Sou Eu?
Bebê a Bordo
A Próxima Vítima

Nelson Di Rago/Divulgação/TV Globo
A atriz Aracy Balabanian como a personagem Filomena Ferreto Giardini em cena da novela "A Próxima Vítima"
A atriz Aracy Balabanian como a personagem Filomena Ferreto Giardini em cena da novela "A Próxima Vítima"

Os títulos mais cafonas
Tropicaliente
Desejos de Mulher
Da Cor do Pecado (além do quê, um título racista)
Agora é que são elas (a novela é de 2003, quando ninguém mais falava isso)
Geração Brasil
e Alto Astral, claro

Estevam Avellar/Divulgação/TV Globo
Cláudia Abreu e Ricardo Tozzi em cena de "Geração Brasil"
Cláudia Abreu e Ricardo Tozzi em cena de "Geração Brasil"

As dobradinhas cansativas
Plumas e Paetês
Transas e Caretas
Brega e Chique
Salsa e Merengue
Cara & Coroa
Cobras & Lagartos
Caras & Bocas
Morde & Assopra

Paula Giolito/Folhapress
Marina Ruy Barbosa aos 16 anos, em cena da novela "Morde e Assopra"
Marina Ruy Barbosa aos 16 anos, em cena da novela "Morde e Assopra"

Manoel Carlos - o rei do amor, da vida e da família
História de Amor
Por Amor
Laços de Família
Páginas da Vida
Viver a Vida
Em Família

Ana Carolina Fernandes - 5.dez.00/Folhapress
A atriz Carolina Dieckman em cena de "Laços de Família"
A atriz Carolina Dieckman em cena de "Laços de Família"
Thiago Stivaletti

Thiago Stivaletti é jornalista, crítico de cinema e noveleiro alucinado. Trabalhou no "TV Folha", o extinto caderno de TV da Folha, e na página de Televisão do UOL. Viciou-se em novela aos sete anos de idade, quando sua mãe professora ia trabalhar à noite e o deixava na frente da TV assistindo a uma das melhores novelas de todos os tempos, "Roque Santeiro". Desde então, não parou mais. Mesmo quando não acompanha diariamente uma novela, sabe por osmose todo o elenco e tudo o que está se passando.

  • Últimas notícias 
  •  

Publicidade

Publicidade

gostou? leia também

  •  

Publicidade

Siga agora o F5 no Twitter

Livraria da Folha