Celebridades

Bruna Marquezine explica corpo mais magro e conta sobre problema na tireoide

Bruna Marquezine no Profissionais do Ano
Bruna Marquezine no prêmio Profissionais do Ano - Ramon Vasconcelos/Rede Globo

São Paulo

Bruna Marquezine, 22, vem chamando atenção por sua magreza. Na pele da vilã Catarina em "Deus Salve o Rei", a atriz explicou que passou por algumas mudanças para interpretar a personagem e, durante o processo, descobriu algumas disfunções na tireoide. 

"A Catarina, por ser essa mulher altiva, que tem sempre uma presença forte, eu imaginei que no vídeo, como a gente sabe que ele aumenta a gente um pouco, eu pensei que mais magra eu ficaria com um rosto um pouco mais duro. Eu tenho um rosto de menina e sempre que o rostinho fica redondinho infantiliza um pouco", disse ela durante o lançamento da novela no Rio, no dia 9 de janeiro.

No entanto o processo foi saudável, ela garante. Dieta, exercício físico e acompanhamento médico —o que revelou algumas disfunções na tireoide, glândula hormonal que pode influenciar no funcionamento do metabolismo e, por consequência, na manutenção do peso.

"Não fiz essa transformação da noite para o dia, não tive que sacrificar minha saúde. Mas, com isso, consequentemente, eu descobri, me cuidando, que eu tenho um probleminha na tireoide", comentou Marquezine. 

Mas, segundo a atriz, a disfunção não é preocupante. "Não chega a ser uma doença, mas ela não está funcionando muito bem. É só uma função que não está rolando e muitas mulheres sofrem disso. Isso fez com que eu acabasse emagrecendo", disse. 

A perda de peso não foi apenas por questões estéticas. A atriz reforçou que as mudanças fazem parte do trabalho e criticou os padrões de beleza. "A gente já vive nessa ditadura de que a mulher tem que estar magra, existe um corpo perfeito. Todas as meninas da minha idade e eu, por muito tempo, tentei me enquadrar nesse padrão. Eu sei o quanto isso nos machuca, mulheres, então tento não falar muito disso, nesse lugar de atrelar magreza com beleza", completou.

Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem