Celebridades

'Pedi que esperasse, queria passar por um processo de digestão', diz pai de Fernanda Gentil

Maurício Gentil, pai da apresentadora Fernanda Gentil, no "Encontro com Fátima Bernardes" - Reprodução/ TV Globo


Maurício Gentil, pai da apresentadora Fernanda Gentil, falou sobre como ficou sabendo da homossexualidade da filha e do processo de aceitação. 

"A minha história com essa situação não foi de uma aceitação instantânea. Passei por um processo, durante um tempo, porque eu passo por um processo desde que a Fernanda e o Felipe nasceram, que é de aprender a ser pai. A lição mais bonita da minha vida. E eu aprendi, com vários eventos da minha vida, que uma das artes de ser pai é não colocar a nossa verdade no mundo deles, mas aceitar a verdade deles para o nosso", disse ele durante o programa "Encontro com Fátima Bernardes", da Globo, nesta quinta (21). 

Em setembro de 2016, cinco meses após se separar do empresário Matheus Braga, Fernanda assumiu o namoro com a jornalista Priscila Montandon. Na época, a apresentadora do "Esporte Espetacular", também da emissora carioca, enfrentou críticas vindas, principalmente, de rede sociais —no Twitter, um internauta chamou Fernanda de "sapatão"

"Tenho um princípio de que as pessoas devem se amar livremente, honestamente, com respeito e carinho. Pedi a Fernanda que esperasse um pouco, queria passar por um processo de digestão da situação. Não seria hipócrita de dizer: 'Minha filha, uhu. Sempre quis'. Mas aconteceu e no meu aprendizado coloquei mais um ponto: vou aprender a ser pai hoje, amanhã e sempre", disse Maurício.

As declarações foram feitas um dia após Fernanda falar abertamente, num programa de rádio, sobre como contou para os pais do namoro com Priscila. 

"Ela ficou muito angustiada para me contar e, por força das facilidades tecnológicas, me contou por mensagem, um dia, à noite. Foi muito surpreendente."


Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem